Featured Slide

5/slideshow/custom

ESC 2018: Áustria confirma participação

por agosto 16, 2017

A emissora estatal da Áustria, ORF, confirmou que o país irá competir no próximo Festival Eurovisão da Canção (ESC), em Lisboa, Portugal.

A ORF, emissora estatal austríaca, revelou que o país irá marcar presença no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018, confirmando que mais uma vez irá voltar ao metódo de seleção interna e que irão revelar mais detalhes em relação ao projeto brevemente.

A Áustria estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1957 e já ganhou duas vezes: em 1966, com Udo Jürgens e a canção "Mérci, Chérie”, e em 2014, com Conchita Wurst e a canção "Rise Like a Phoenix", que alcançou um total de 290 pontos. Em 2017 o país foi representado por Nathan Trent e a canção “Running on Air”, alcançando o 16º lugar na final com um total de 93 pontos.

Fonte/Imagem: esctoday, eurovision.tv




Dinamarca: revelados os detalhes do Dansk Melodi Grand Prix 2018

por agosto 16, 2017

A emissora dinamarquesa DR revelou,  que o seu representante para o Festival Eurovisão da Canção 2018, será selecionado a 10 de fevereiro, com a realização do Dansk Melodi Grand Prix

O certame voltará a ser apresentado por Annette Heick e Johannes Nymark, sendo que a edição do próximo ano terá lugar no Gigantium, em Aalborg, arena que concorreu à organização do Festival Eurovisão da Canção em 2014 e que recebeu a final nacional dinamarquesa em 2010, 2012 e 2015.

"Eu acho que teremos muito mais potencial se observarmos as contribuições como produtos inteiros. Não devemos selecionar as músicas sem artistas nem artistas sem músicas (...) Temos de pensar em todo o processo e olhar para o pacote inteiro desde o início" afirmou Mads Enggaard, produtor do certame e responsável pela participação do país no Festival Eurovisão da Canção.

As inscrições para o Dansk Melodi Grand Prix 2018 estão abertas até 15 de setembro, sendo que compositores nacionais e internacionais podem concorrer.

Fonte/Imagem: eurovoix,billedbladet



ELC 2017: Ilinca & Alexa Florea cancelam presença

por agosto 16, 2017

A dupla romena não irá fazer parte do line up para o Eurovision Live Concert 2017, que se realizará a 9 de setembro, no Auditório José Afonso, em Setúbal.

A cantora Ilinca terá sido aceite no Conservatório de Bucareste, tendo exames marcados para esse dia, algo que levou a dupla a cancelar a presençano evento.

No entanto, a nona edição do Eurovision Live Concert contará ainda com oito participações confirmadas: Anja Nissen (Dinamarca 2017), Nathan Trent (Áustria 2017), Timebelle (Suíça 2017), Sanja Vučič (Sérvia 2016), Sasha Son (Lituânia 2009), Anabela (ESC1993), Célia Lawson (ESC1997) e a participação especial de  Mirela, concorrente do Objetivo Eurovisión em Espanha.

Fonte/Imagem: eurovisionary, esc-plus



ESC 2018: Holanda confirma participação

por agosto 15, 2017

A emissora estatal da Holanda, AVROTROS, confirmou que o país irá competir no próximo Festival Eurovisão da Canção (ESC), em Lisboa, Portugal.

A AVROTROS, emissora estatal holandesa, revelou que o país irá marcar presença no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018. Ainda nada se sabe em relação ao método de seleção, contudo é provável que os holandeses optem por uma seleção interna, como tem sido o caso nos últimos anos, desde 2013.

A Holanda estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1956 e já ganhou quatro vezes: em 1957, com Corry Brokken e a canção "Net Als Toen", em 1959, com Teddy Scholten e a canção "’n Beetje", em 1969 com Lenny Kuhr e a canção "De troubadour", e em 1975, com Teach-In e a canção "Ding-a-Dong". Em 2017 o país foi representado pelas O’G3NE e a canção "Lights and Shadows", alcançando o 11º lugar na final com um total de 150 pontos. 

Reveja "Lights and Shadows":


Fonte: ESCToday; Imagem/Vídeo: Eurovision.tv



Bósnia & Herzegovina: participação no ESC 2018 em risco

por agosto 14, 2017

A Bósnia & Herzegovina não deverá regressar ao Festival Eurovisão da Canção (ESC) no próximo ano, apesar de uma nova fonte de financiamento.

A Radio and Television of Bosnia and Herzegovina (BHRT), emissora estatal da Bósnia & Herzegovina, afirma que é improvável que o país participe no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018, revelando que as dificuldades financeiras e as dívidas são o grande factor de impedimento.

Sabe-se que a BHRT conseguiu um acordo com a Elektroprivredom BiH, de modo a conseguir pagar parte das suas contas de eletricidade. O Chefe de Delegação, Lejla A. Babović, tem esperança que tal ajude o organismo de radiofusão. Apesar disto, a emissora nacional da Bósnia & Herzegovina afirma que irá tomar uma decisão final até ao dia 15 do próximo mês, prazo para que os países submetam a documentação inicial para participarem no ESC.

Até à data, apenas Andorra, que competiu pela última vez em 2009, e Luxemburgo, que competiu pela última vez em 1993, declararam que não irão participar na próxima edição do ESC, em Lisboa, Portugal.

A Bósnia & Herzegovina estreou-se como país independente no Festival Eurovisão da Canção em 1993 e o seu melhor resultado é um terceiro lugar: em 2006, com Hari Mata Hari e a canção "Lejla". Em 2016, o país foi representado por Dalal & Deen feat. Ana Rucner & Jala e a canção "Ljubav je", alcançando o 11º lugar na primeira semifinal com um total de 104 pontos.

Reveja "Ljubav je":


Fonte: Eurovoix; Vídeo: Eurovision.tv



ESC 2018: Lituânia confirma participação

por agosto 14, 2017

A emissora estatal lituana, Lithuanian National Radio and Television (LRT), confirmou que o país irá competir no próximo Festival Eurovisão da Canção (ESC).

A Lithuanian National Radio and Television (LRT), emissora estatal da Lituânia, revelou que o país irá participar no Festival Eurovisão da Canção (ESC) 2018 e que, mais uma vez, como nos últimos anos, o representante e respetiva canção serão escolhidos através de uma seleção nacional, a Eurovizija.

A Lituânia estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1994 e o seu melhor resultado é um sexto lugar: em 2006, com LT United e a canção "We are the winners". Em 2017 o país foi representado por Fusedmarc e a canção "Rain of Revolution", alcançando o 17º lugar na segunda semifinal com um total de 42 pontos. 

Reveja "Rain of Revolution":



Fonte: ESCToday; Vídeo: Eurovision.tv



Com tecnologia do Blogger.