COMENTÁRIOS SOBRE OS ENSAIOS DA EUROVISÃO 2012: DIA 8!





OITAVO E ÚLTIMO DIA DE ENSAIOS - CINCO PAÍSES DA SEGUNDA SEMIFINAL, BIG5 E PAÍS  ANFITRIÃO

     Último dia de ensaios antes dos ensaios gerais. Já na reta final, o grande dia aproxima-se a passos largos… e tudo tem que estar perfeito!


     No primeiro ensaio Ott Lepland parece poupar a sua voz, pois na parte inicial da música não é audível. Aqui, surge com uma nova versão em que os agudos chegam mais cedo, dando uma dedicação mais evidente a nível vocal. Deste modo, a sua performance no dia 24 será muito semelhante a esta, uma vez que, tal como no primeiro ensaio, é revelada a indumentária final. Uma boa aposta da Estónia! 


       Todo o cenário e o jogo de luzes é perfeito para esta atuação. Max e a sua banda surgem com um vestuário mais rock. Eles prometem “rebentar com tudo”, numa performance com muito power, diferente de tudo o que poderemos ver nesta edição. Este ensaio faz-nos transparecer que o intérprete interagirá bastante com o público, o que é muito positivo num estilo musical como este. Ainda assim poderá melhorar a sua prestação vocal, a nível de afinação. Merece um lugar na final e, com esta apresentação, creio que o terá.


      O ensaio de hoje foi semelhante ao primeiro e também à final nacional norueguesa. Se a indumentária se mantiver não será a melhor escolha, pois deveria ser mais cuidada, de forma a manter o mesmo estilo, adequado para esta música. Tooji é um excelente bailarino mas com muitos deslizes a nível vocal, que surgem principalmente devido à coreografia elaborada. Não faz qualquer sentido existir um backing vocal num canto do palco, sozinho. Para esta atuação as vozes dos bailarinos seriam suficientes para acompanhar o intérprete. Apesar dos pontos negativos, a performance está muito bem conseguida e lutará certamente pelo Top 5. 



    Tal como a Albanesa, a atuação da Bósnia transpira melancolia. Durante estes três minutos as atenções estão totalmente focadas na intérprete e na sua bela voz, acompanhada ao piano que ela própria toca lindamente. A Bósnia apostou na simplicidade nesta edição, e apostou bem. Certamente que iremos ouvir esta canção na final. 

       O cenário não dá ênfase à atuação. Não aprecio. E este seria um dos aspetos a melhorar desde o primeiro ensaio, o que não aconteceu. Falta qualquer coisa a esta performance, talvez uns bailarinos e uma coreografia. Apesar do intérprete estar sozinho em palco e se esforçar para levar a sua canção avante, penso que não irá conseguir e ficará mesmo pela semifinal. Lituânia, ainda não será desta.
 

Roman necessita de um visual mais cuidado. Tudo o resto está muito bem: o cenário simples, a voz perfeita, a intervenção da banda que o acompanha. O intérprete transmite vivacidade e sente aquilo que canta. Não será tão popular como Lena, mas foi uma boa aposta da Alemanha levar uma performance simplista e, ao mesmo tempo, marcante. 

Ao contrário de outras atuações, as atenções nesta estão focadas nos bailarinos e nas suas acrobacias. O cenário e os passos de ginástica artística, apesar de serem originais e bem ensaiados, não se adequam à canção. A voz da Anggun não melhorou muito desde o primeiro ensaio, o que também não ajuda a destacar-se. Esta música tem bastante ritmo e ficaria bem com outro tipo de coreografia, e com a melhoria significativa da voz da intérprete. Terá que se esforçar muito mais na grande final, se quiser obter uma classificação razoável.

O cenário transmite bastante movimento, o que dá alegria à atuação, embora falte alguma cor. A voz de Nina continua competente (como sempre foi) e, com este “à vontade”, consegue preencher o palco e interagir com o público. Os backing vocals, por outro lado, não acrescentam nada à atuação e precisariam de mais coordenação e inovação. Pessoalmente preferia a versão unicamente em italiano desta canção. Mas, com esta versão, não comprometerá o seu bom resultado final.


Uma grande atuação! Os anfitriões defendem bem o tema desta edição: Light your fire! Uma performance totalmente focada neste tema, com um cenário perfeito de cores quentes. As backings vocals estão bem colocadas. É pena que a intérprete se mantenha estática, mas é bastante interessante visualizar os efeitos do seu vestido, dando a ilusão que está a arder, o que se pôde verificar com mais atenção neste segundo ensaio. Como sempre, os azeris mantêm o padrão de qualidade das suas propostas. 

Pastora não poupa a sua voz nos ensaios e será com esta força que a iremos ver na grande final. Considero que este vestido não será o utilizado e virá com um imponente que dará intensidade à atuação. O cenário está bonito, na primeira parte, mas não dá carga emocional suficiente no último refrão. Apesar de tudo, esperamos uma grande atuação (e com os habituais 12 pontos de Portugal, bem merecidos). Um top 5? Seria bem justo.

Tal como no primeiro ensaio, Engelbert insiste em colocar o microfone afastado, o que impede de ouvir totalmente a sua voz. No entanto sabemos que é bastante competente a esse nível e com largos anos de experiência. Inicialmente surge um cenário demasiado escuro, que vai demonstrando cor ao longo da evolução da música. Realço o desempenho dos bailarinos que contam uma história em forma de dança, dando alma à atuação. Contudo esta é uma das edições em que se o Reino Unido não fosse um dos Big 5, ficaria pela semifinal, se fosse feita justiça.


Realço a bonita atuação do Azerbaijão, que ”joga em casa” e defende bem o tema desta edição. Destaco também a Eslováquia pela evolução do primeiro para o segundo ensaio. O pior ensaio do dia atribuo-o à França, por não ter mudado a coreografia, que nada se adequa à canção; além disso a qualidade vocal não surpreende.


20.05.2012

Comentários escritos por,

Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.