¿Por qué no te callas? - Quinto texto: Engelbert Humperdinck, Moje 3 e Bonnie Tyler



5º TEMA:

CRÍTICAS DOS CANTORES ÀS VOTAÇÕES E RESULTADOS DA EUROVISÃO (ENGELBERT HUMPERDINCK, MOJE 3 E BONNIE TYLER)




       Todos os anos é a mesma história. Vira o disco e toca o mesmo. Uma pessoa pensa que, ao fim de dezenas de edições, os artistas já irão saber que "you win some, you lose some". Mas não. Ano após ano, somos brindados com entrevistas de artistas ressabiados com os seus resultados na Eurovisão.
       Temos o Engelbert Humperdinck, que foi para a Eurovisão, e funcionou, para todos os que assistiram à sua atuação, melhor que qualquer sonífero à venda no mercado. O senhor, após o seu mísero e merecidíssimo resultado na Eurovisão, disse que “o modo como o sistema de televoto funciona é o principal problema pois o público tem apenas 15 minutos para votar e como há cerca de 125 milhões de pessoas a assistirem e votarem é impossível haver resultados em tão pouco tempo, não há computador que faça isso". Oh, santo Deus. Eu vou pensar para mim que o senhor já é velhinho demais para estas andanças, para não começar para aqui a disparatar. Engraçado que o Engelbert só se apercebeu disto em novembro de 2012. A azia ainda durou algum tempo, como podem ver.
       Na última edição da Eurovisão, para bem de todos os nossos pecados, que adoramos loucamente e até arrancamos cabelos por um bom drama eurovisivo, também não faltaram revoltados. As Moje 3, que ficaram de fora da final, deram a seguinte desculpa: “É claro que as músicas que não são cantadas em inglês não têm qualquer hipótese este ano! As pessoas não vão ouvir os temas que não são cantados noutras línguas." Ah-ah-ah, curioso. Porque a última vez que a Sérvia ganhou o festival foi com uma música não cantada em inglês, em 2007?
       Já a Bonnie Tyler, toda esperançosa, achando que ia dominar o show todo por ter um ou dois hits na sua carreira musical, acabou por flopar à grande. Eu, pessoalmente, adorei. Foi dos flops que mais prazer me deu. Porque o nome pouco significa na Eurovisão, e é bom que isso fique sublinhado para todos os artistas atualmente fracassados que acham que a Eurovisão vai fazer algo pelas suas carreiras acabadas. A senhora desculpou-se, criticando os jogos políticos que envolvem o festival. Tudo bem que ela tem razão, mas ela nasceu ontem? Não me parece, de todo.
       Esta revolta é ridícula. Tentam defender-se pelas razões mais absurdas. À partida, já todos sabem para o que vêm. A Eurovisão sempre teve e sempre terá a sua vertente inevitavelmente politica. Portanto, deal with it. Quanto às razões dadas pelos outros artistas, nem há explicação possível para além da inveja e azia. 



RECOMENDAÇÕES FINAIS:

"Por isso, pessoas ressabiadas, avancem com a vossa vida, invistam na vossa carreira e deixem de dizer disparates em entrevistas que só mostram a vossa fraqueza de espírito. O mundo não acaba porque floparam na Eurovisão."

Este artigo não pretende insultar ou manchar o nome dos artistas, países ou fãs.
Imagens: Google
14/11/2013

1 comentário:

  1. Bonnie Tyler é uma Dama no Reino Unido se o nome na eurovisão não contasse então quem será o Jonny Logan sim ok deixou de ter tanto valor mas ela também não mentiu em relação aos jogos políticos. Expliquem-se os fracassos desde 2003 do UK na eurovisao (claro q existem excepções) Guerra do Iraque e todos os países apoiantes foram penalizados incluindo Portugal temos uma vencedora como a Turquia atentados em UK em espanha Vulcões em erupção na Islandia a de ações da Alemanha em 2010 da EBU (e uma vitória) Azerbaijão com vitória surpresa o fracasso da Russia em 2006 com o Dima Bilan que o deixou de Rennie... o flop do Tooji por ter nascido no Irão... Política que é isso na eurovisão quando são as massas a domina-la e as casas de apostas mas claro que isto os dirigentes da eurovisão não vêem. (foi só um desabafo)
    Mas ressabiadas não foi a palavra certa para descrever a frustração de alguns artistas com muita razão e que tem estrelas em Hollywood...

    Ass : ''Aspas'' ''Aspas''

    ResponderEliminar


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.