ESC 2018: Portugal vai organizar a Eurovisão mais económica de sempre


Gonçalo Reis, presidente do conselho de administração da RTP, garante que 2018 será a edição mais barata de sempre da Eurovisão.

Organizar o ESC costuma custar ao país anfitrião entre 25 e 40 milhões de euros mas Gonçalo Reis garante que a edição de 2018 ficará abaixo desse valor. Em declarações ao Jornal Económico, o responsável da RTP disse que, apesar de o investimento ser menos que o normal, o evento vai "projetar Portugal" e que as equipas criativas "vão desenvolver uma das eurovisões mais interessantes de sempre".

"As nossas equipas criativas estão a desenvolver o conceito [para] transmitir a imagem de um Portugal contemporâneo, de um Portugal aberto ao mundo, de uma cultura de inclusão, de uma cultura de tolerância, de uma cultura positiva", disse.

Fonte: jornal económico/Imagem: Eurovision.tv



Sem comentários


Não é permitido:

. Publicar comentários de teor comercial ou enviar spam;

. Publicar ou divulgar conteúdo pornográfico;

. O uso de linguagem ofensiva ou racista, ou a publicação de conteúdo calunioso, abusivo, fraudulento ou que invada a privacidade de outrem;

. Desrespeitar o trabalho realizado pelos colaboradores do presente blogue ou os comentários de outros utilizadores do mesmo - por tal subentende-se, criticar destrutivamente ou satirizar as publicações;

. Divulgar informações sobre atividades ilegais ou que incitem o crime.

Reserva-se o direito de não serem publicados comentários que desrespeitem estas regras.

Com tecnologia do Blogger.